Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Manga Lima

Manga Lima

27
Ago18

Agosto quase no fim

Manga Meia-Loira

Estamos quase no fim deste mês e eu sabia, sempre soube, que ia ser um mês que me ia doer na alma. É um mês sempre demasiado grande (e demasiado colorido) quando não estamos bem e quando o coração está ferido. É um mês sempre difícil. Há seis anos que não tinha um Agosto tão doloroso. Esse foi o primeiro em que soube que a minha vida ia mudar e perdi o chão. Depois, há cinco anos, também me doeu tudo numa aprendizagem daquilo que era viver sem eles. Nos últimos anos a dor foi amenizando, talvez com o hábito, e os Agostos foram sendo difíceis mas ultrapassáveis. O Agosto do ano passado foi, sem eu o poder imaginar na altura, um marco. Foi o mês em que ele me fez bater de frente naquilo que sentia por ele quando, naquela sexta feira à noite, usou a palavra coração no sítio mais bonito da minha infância. Passou um ano e eu sabia que também por isso este Agosto me ia deixar afundada em sentimentos e mágoas. Ele falou em coração e depois tudo se passou como se nada nunca tivesse acontecido e a vida seguiu e segue. Ele pode não se lembrar, e eu também não queria, mas a verdade é que eu estive lá e não sonhei. Estive lá e ouvi. E isso deixou-me de coração desfeito durante (quase) todos os dias deste último ano. Não sei quanto mais tempo ele me vai conseguir deixar neste estado, e não sei quanto mais tempo isto vai durar ou quando ou como vai acabar. Estou constantemente exausta e desgastada por isto mas infelizmente isso não me permite deixar de ter sentimentos por ele. Ele tinha de ser a última pessoa por quem eu algum dia teria sentimentos. Aquela minha praia de infância tinha de ser o último sítio onde esta história teria de ficar marcada. Aconteceu e eu, humana que sou (porquê?), apaixonei-me sem saber e sem me dar conta nunca. Claro que tinha de ser uma história assim. Só quero, mais do que qualquer coisa na vida, que isto passe. E (espero!) o que tiver de ser será. 

Comentar:

Mais

Comentar via SAPO Blogs

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2021
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2020
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2019
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2018
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2017
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2016
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2015
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2014
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2013
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D