Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Manga Lima

Manga Lima

15
Abr21

Mais uma ficha, mais uma volta - (Des)Amor

Manga Meia-Loira

Poderia escrever sobre muita coisa, mas nem eu imaginaria que o texto que iria esrever a seguir, aqui, fosse este. Mas parece que a vida, ou o destino, ou quem manda nisto tudo assim quis, e aqui estou eu a escrever e a falar sobre (des)amor... tantos meses e anos depois.

Então uma pessoa sofre durante anos de (des)amor. 

Tem angústias, fica com o coração partido em mil bocados, coloca tudo em causa, pensa em mil cenários e bate no fundo do coração. Bastante tempo. É duro quando a vida nos trama.. sobretudo quando nos trama no amor como me aconteceu. Uma conversa séria e algum tempo depois, uma pessoa vai conseguindo melhorar. Uma pessoa vai conseguindo voltar a respirar e a sorrir normalmente e a vida vai voltando ao seu ritmo. Não estaria tudo completamente curado mas estava tudo praticamente sanado e resolvido.

Depois, bastante tempo depois e do nada, parece que está tudo a voltar atrás. Parece que os fantasmas voltam a aparecer todos. Exatamente da mesma forma, a trazerem exatamente as mesmas dores. Parece que volta tudo ao tempo em que tudo foi tão duro, tão difícil, tão nublado, tão negro. Parece que o caminho nos quer arrastar de volta até ao tempo mais díficil da nossa vida. Parece que a vida nos quer arrastar outra vez de volta ao coração desfeito, às angústias, às dores, aos sentimentos que nos arrasam.

Não sabia, não contava, não estava à espera. Não poderia ter imaginado isto, nem desta forma. É mau, muito mau. Tanto mais quando eu estava bem. Estava tranquila, estava pacificada. De repente... parece que tudo está a voltar atrás.  

Não sei o que se segue, não sei o que será, não sei como será. Só queria que isto se resolvesse em mim. Só quero chegar ao dia em que saberei, dentro de mim, que tudo já está curado. Achei que estava quase lá. Parece que não. Vamos ver. Espero que a vida não me pregue assim uma resteira tão grande. Contas feitas, acho que aquilo que já tinha sofrido será mais do que suficiente e ainda me deveria dar créditos. Vamos ver.

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2021
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2020
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2019
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2018
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2017
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2016
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2015
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2014
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2013
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D