Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Manga Lima

Manga Lima

21
Mar19

Quando alguém perde um pai...

Manga Meia-Loira

Quando alguém perde um pai deve haver uma luz, naquele lugar mais profundo e íntimo de nós, na nossa alma, que se apaga. É um pedaço que é arrancado e que nos leva o passado, o presente e muito do futuro. Uma amiga minha perdeu o pai, de repente.. assim do nada, novo e saudável e morre de um dia para o outro. Outra amiga minha está a ver todos os dias o pai a morrer-lhe aos bocadinhos por causa de um cancro que se metastizou. Nunca ninguém devia ser obrigado a isto. Nunca ninguém devia ser obrigado a despedir-se de um pai aos 24 anos. Em idade nenhuma, mas muito menos quando ainda temos tanto para partilhar com os pais. Nem consigo acreditar... muito menos consigo imaginar a dor que seja. É um pedaço profundo de nós que nos é arrancado à força, é uma infância colorida e de sonhos que nos é rasgada, é um arco-íris de sonhos futuros que nos é desfeito. Caramba, nem consigo sequer imaginar. Rezo todos os dias, com a alma inteira, para que no dia em que a vida me obrigar a despedir-me dos meus pais eu tenha um casamento feliz que me suporte e um filho ou mais que me obrigue(m) a continuar a sonhar o futuro. E também espero nesse dia ficar com a certeza de que eles tiveram uma vida inteira, plena e feliz e... que eu tive uma vida inteira, plena e feliz de partilhas com ele. Aos 24 ainda somos crianças crescidas à procura do nosso lugar no mundo, aos 24 ainda precisamos sempre e infinitamente do colo dos pais, aos 24 ainda precisamos de saber que há um lar-raiz onde voltar, aos 24 ainda precisamos de ter a nossa base e raiz sempre lá para não termos tanto medo de voar sozinhos. Aos 24 ainda temos uma vida inteira de sorrisos, momentos e conversas a partilhar. Aos 24 ainda temos uma vida de memórias por construir com os nossos pais. Aos 24 o mundo ainda é "um lugar tão grande e tão frio" e ainda achamos muitas vezes que não temos o que fazer nem para onde ir. Aos 24 o nosso pai ainda não nos viu, muitas vezes, a viver um amor que nos faça felizes, ainda não nos viu ser pedidas em casamento, ainda não nos levou ao altar da igreja para casarmos. Aos 24 o nosso pai ainda não nos viu alcançar metas e sonhos profissionais. Aos 24 o nosso pai ainda não nos viu anunciar-lhe que vamos ser mamãs e ele vai ser avô. Aos 24 o nosso pai não conheceu o(s) nosso(s) filho(s). Aos 24 o nosso pai não deu colo, comida e mimos ao(s) nosso(s) filho(s). Aos 24 o nosso pai ainda não fez parte da vida, da alma e do coração do(s) nosso(s) filho(s). Aos 24 o nosso pai ainda não ficou com os netos em todas as noites e todas as vezes que quisemos sair para namorar ou passear. Aos 24 o nosso pai ainda não conheceu a casa com jardim e talvez com piscina que um dia queremos ter. E eu podia continuar, mas acho que já me cansei... porque aos 24 fica tudo por fazer, fica tudo por dizer, fica tudo por viver. Resta-me ter a presença possível na vida e na dor destas minhas amigas. Resta-me ainda mais continuar a pedir, todos os dias, que o meu pai me possa continuar a dar colo vida fora, e possa levar-me ao altar da igreja quando eu casar, e possa ver-me a ser mamã, e possa ver o(s) neto(s) dele a crescer, e possa tomar conta dele(s) e dar-lhe(s) todo o mimo e colo do mundo, e possa ver-me a ser profissionalmente feliz e reconhecida, e possa ver-me completa e feliz e serena e realizada e essas coisas todas. Com tudo isto só me lembro de duas coisas: da máximo do Carpe Diem e daquela música lindíssima que diz "Segura teu filho no colo / Sorria e abrace teus pais / Enquanto estão aqui / Que a vida é trem-bala, parceiro / E a gente é só passageiro prestes a partir".

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2021
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2020
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2019
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2018
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2017
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2016
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2015
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2014
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2013
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D